24/9/2020
|
E-commerce

Quais são os tipos de e-commerce?

Se você pretende vender por um e-commerce, ou até mesmo já o faz, esse artigo é para você entender a necessidade de compreender o seu negócio. A gente sabe, estranho, né? Então rola para baixo para esclarecermos as coisas!

Quais são os tipos de e-commerce?

Neste conteúdo, vamos abordar os diversos tipos de e-commerce existentes. Falar sobre os tipos de e-commerce é falar sobre modelo de negócios. E logicamente, falar de e-commerce é falar de loja virtual.

Quantos tipos de e-commerce existem?

  1. Business to consumer (B2C)
  2. Consumer to Business (C2B)
  3. Business to Business (B2B)
  4. Consumer to Consumer (C2C)
  5. Business to Administration (B2A)
  6. Citizen to Government (C2G)
  7. M-commerce
  8. S-Commerce

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada um desses tipos de e-commerce, ou, modelo de negócio através da internet. E quando falo em conhecer esses tipos de e-commerce, não falo do modelo de compra e venda, como se vende produtos ou coisas assim.

Vamos falar desses tipos de e-commerce, como diferenças as diferenças de cada modelo de negócio.

Curiosidade: Qual o principal site de vendas online?

Uma curiosidade sobre o e-commerce é que ele é capaz de captar todos os modelos de negócio. São muitos modelos de lojas físicas e virtuais, trabalhando com compra e venda de produtos. E o bom do e-commerce é que ele pode tanto trabalhar com nichos específicos, como também com nichos variados, podendo ser de pessoas físicas ou não.

Aprofundando os tipos de e-commerce

Business to Consumer (B2C)

Ao falar sobre os tipos de e-commerce é preciso falar sobre Business to consumer  B2C.

O Business to consumer ou B2C é o modelo de negócio em que a relação fica estabelecida entre a empresa e o consumidor final. Isso quer dizer que o B2C é modelo de negócio onde a empresa vende produtos diretamente para o cliente final, ou consumidor final.

Ou seja, resumindo, o Business to Consumer trata-se do setor varejista do e-commerce.

Exemplos de Business to Consumer (ou B2C) brasileiros
  • Magazine Luiza
  • Lojas Americanas
  • Casa Bahia
  • Ricardo Eletro
Resumindo B2C

O B2C abrange o varejo e lojas virtuais. Vale também lembrar que o modelo B2C de E-commerce pode até ser parecido com o varejo de loja física, mas possui algumas peculiaridades. E uma dessas peculiaridade é permitir o acesso do cliente final a todas as informações do produto ou serviço.

Vender online: principais dicas

Consumer to Business (C2B)

Dentre os tipos de e-commerce está o C2B, o modelo de e-commerce em que os produtos ou serviços são oferecidos para as empresas possibilitando que elas façam a escolha de qual produto querem adquirir. A tradicional "troca de bens".

Lojas que vende produtos livres royalties é um bom exemplo de como funciona esse modelo de e-commerce (Consumer to Business C2B)

Exemplos de Consumer to Business (ou C2B)
  • Fotos
  • Elementos de design
  • Produtos de sites como Shutterstock e mais!

Business to Business (B2B)

Falando sobre os tipos de e-commerce, o Business to Business B2B é um modelo de e-commerce bem recorrente. Ele consiste em relações comerciais de empresa para empresa. Isso quer dizer que produtos e serviços são comercializados entre empresas. Ou seja, quando as empresas vendem para outras empresas.

Nesse modelo de negócio os produtos e serviços são negociados igualmente em lojas físicas. Uma observação válidaé que esse tipo de comércio eletrônico é mais utilizado por produtores e atacadistas tradicionais, valendo dizer que essas características comuns não impedem que empresas de outros segmentos façam negócios com um desses tipos de comércio eletrônico.

Resumindo: Business to Business B2B - empresas que vendem para outras.

Consumer to Consumer (C2C)

Dentre os tipo comércio eletrônico (tipos de e-commerce) está o consumer to consumer (Consumidor para Consumidor), com troca de bens e serviços sem precisar ter uma empresa participando da negociação.

Esse tipo de E-commerce consumer to consumer C2C, possibilita troca e venda de produtos usados com facilidade.

Exemplos de Consumer to Consumer (ou C2C)
  • OLX
  • Mercado Livre
  • E-bay

Business to Administration (B2A)

O Business to Administration é mais um dos tipos de e-commerce, com as transações do modelo de negócio Business to Administration B2A acontecendo entre empresas e o setor de administração pública.

O modelo B2A (Business to Administration) é caracterizado por quando uma empresa faz negócio, vende produtos para um setor público, por exemplo, prefeitura e secretaria municipal.

Importante: O Business to Administration é um modelo de negócio em que precisa-se concorrer com outros negócios, na verdade, passando por avaliação para conseguir fechar o negócio, ou seja, um processo de licitação.

Ou seja, é um modelo de negócio mais difícil, mas possibilita contratos mais duradouros.

Citizen to Government (C2G)

Esse é mais um dos tipos de e-commerce, que funciona com empresas administrativas públicas. E nesse modelo, assim como no modelo B2A, refere-se ao comércio eletrônico, e-commerce entre empresas e administração pública.

Enquanto o modelo de negócio C2A refere-se à relação comercial de do cidadão com o governo.

Exemplos onde o Citizen to Government é empregado
  • Saúde
  • Imposto
  • Segurança social
  • Educação

Mas, para isso precisa-se ter uma medida governamental. Essa medida dá autorização para que o governo possa usar os serviços e as soluções vinda do cidadão.

M-commerce

De todos os tipos de e-commerce, o Mobile Commerce é o único que contempla as o modelo de e-commerce que oferece soluções para aqueles que realizam transações eletrônicas, que fazem aquisições ou que vendem bens e serviços por meio de dispositivos mobile (commerce).

O M-commerce é o modelo de e-commerce, dentre os tipos de e-commerce, que mais tem crescido nos últimos anos, em decorrência do aumento crescente do número de usuários que utilizam smartphones e tablets nessa modalidade (mobile Commerce).

Relatório de crescimento do M-commerce
  • 2018: 41% em relação ao ano anterior.
  • 2019: Neste ano o M-commerce representou mais de ⅓ dos pedidos brasileiros.

S-Commerce

Chegamos ao último modelo de e-commerce, dentre todos os principais tipos de e-commerce.

O S-Commerce, ou como é conhecido: Social Commerce, é o modelo de e-commerce que faz a integração da loja virtual com as redes sociais, possibilitando interação com o conteúdo divulgado.

O S-commerce é um dos tipos de e-commerce que mais tem crescido, e esse crescimento se dá por causa do aumento de funcionalidades de venda direta e indireta das redes sociais. Um dos grandes benefícios desse modelo de comércio eletrônico é a visibilidade que o negócio ganha com a estratégia de juntar loja virtual e redes sociais, e tudo isso de forma gratuita, conquistado com um bom trabalho de redes sociais.

Bom, chegando ao final do artigo "Quais são os tipos de e-commerce", vale dizer que qualquer um desses modelos apresentados nesse artigo pode ser bom e produzir bom resultado para um futuro ou atual negócio. Só é preciso trabalhar com a estratégia correta.

Sintetizando: existem vários tipos de e-commerce, e nenhum tem o funcionamento exatamente igual. Cada um dos tipos de e-commerce tem suas características próprias como podemos ver. Então, se vai montar um negócio, saiba em qual dos tipos de e-commerce, ele se encaixa; pois esse é um dos fatores que vai determinar o sucesso do negócio.

Dica extra final: É preciso ficar atento a estratégia de marketing de conteúdo. Ele é valioso para sua empresa.

SOBRE NÓS

A Digitalize Now é uma startup de Marketing Digital para pequenas empresas. Viemos trazer o mundo digital para aqueles que precisam dele, sem gastar muito.

SAIBA MAIS
SIGA-NOS
POSTS RELACIONADOS
Ainda não temos posts relacionados à esse tema!

Quer fazer uma avaliação gratuita da sua empresa?

Muito obrigado! Em breve, entraremos em contato com você.
Oops! Something went wrong while submitting the form.